Home  |  Quem Somos  |  Missão/Visão Lojas Associadas  |  Ofertas |  Notícias  |  Vídeos  |  CDVIP  |  Contato
Login:
Senha:

Banheira: um clássico objeto de desejo
Ter uma banheira em casa é um verdadeiro sonho de consumo. Mas, para realizá-lo, é preciso estar atento sobre a possibilidade de sua instala... Leia mais.

Espaço fitness é tendência nos condomínios
Os cuidados com a saúde e o interesse pelo "mundo fit" são fenômenos relativamente novos no Brasil e que ganharam seu espaço dentro dos cond... Leia mais.

Bancadas em porcelanato: tendências para espaços gourmet e áreas íntimas
As características técnicas dos porcelanatos tornam as peças ideais para o local de preparo das refeições, principalmente quando se fala de ... Leia mais.






Vendas e lançamentos de imóveis têm forte crescimento em janeiro, diz Secovi-SP


O mercado imobiliário na cidade de São Paulo iniciou o ano com um forte crescimento nas vendas e nas ofertas de novos empreendimentos, de acordo com pesquisa do Sindicato da Habitação (Secovi-SP). As vendas de imóveis residenciais novos atingiram 1.692 unidades, o que representa um aumento de 172% em comparação com o mesmo mês do ano passado, quando as vendas ficaram em 622 unidades.

Já no acumulado dos últimos 12 meses (de fevereiro de 2017 a janeiro de 2018), as vendas totalizaram 24.699 unidades, crescimento de 55,9% em comparação com os 12 meses anteriores (de fevereiro de 2016 a janeiro de 2017).

Por sua vez, os lançamentos de novos projetos corresponderam a 748 unidades em janeiro, um aumento de 1.338% em relação ao mesmo mês do ano passado, quando foram lançadas apenas 52 unidades. Na análise de 12 meses, os lançamentos totalizaram 29.353 unidades, expansão de 60,7%.

Apesar da base fraca de comparação - um vez que o começo do último ano foi um dos períodos de menor atividade já registrados - a pesquisa indica que há, sim, uma recuperação em andamento.

"Ao olharmos os números acumulados ao longo do ano, é possível constatar esse crescimento. O movimento é ascendente", afirma o presidente do Secovi-SP, Flávio Amary.

Na sua avaliação, o setor tem se beneficiado de um cenário melhor da economia brasileira, com juros e inflação sob controle, interrupção do aumento do desemprego e, principalmente, maior confiança dos consumidores em fechar negócios. "O ponto mais importante, sem dúvidas, é o crescimento da confiança", frisou Amary.